Antígona e o valor dos coveiros. Por Edson Luiz André de Sousa.

ANTIGONA E O VALOR DOS COVEIROS Lembrei  ontem (20/4/20),   de um poema do   Vinicius de Morais do qual destaco os versos abaixo: A hora íntima “…Quem virá despetalar pétalas No meu túmulo de poeta? Quem jogará timidamente Na terra um grão de semente? Quem elevará o olhar covarde Até a estrela da tarde? Quem me dirá …

A luta antes do luto (ou a disputa pela coroa). Por Priscilla Machado de Souza.

A luta antes do luto (ou a disputa pela coroa)[i] Priscilla Machado de Souza[ii]   Defrontar-me com a morte não me é tormento. Tormento seria se deixasse insepulto o morto que procede do ventre de minha mãe. Tuas ameaças não me atormentam. Se agora te pareço louca, pode ser que seja louca aos olhos de …

Oração fúnebre. Por Edson Luiz André De Sousa.

ORAÇÃO FÚNEBRE ESTE TEXTO É UM POUCO LONGO PORQUE UMA ORAÇÃO FÚNEBRE PRECISA SER LONGA. UMA ORAÇÃO FÚNEBRE NA VERDADE NUNCA SERÁ LONGA O SUFICIENTE.  PRECISAMOS TER TEMPO PARA A MEMÓRIA.  APRESENTO  ABAIXO UM FRAGMENTO  DA SERIE  “POEMAS DA CATÁSTROFE DO NOSSO TEMPO”  DE ALBERTO PUCHEU, POETA E PROFESSOR DA UFRJ.  ESPERO QUE  TENHAM TEMPO …

Incêndios e imolação. Por Edson Luiz André de Sousa.

INCÊNDIOS E IMOLAÇÃO ‘esta é a primeira catástrofe morremos agudos sem dizer nada , nem saudade Manoel Ricardo de Lima (Geografia Aérea)   O BRASIL ENTROU PARA A HISTÓRIA DA HUMANIDADE como um dos quatro países no mundo cujo presidente compõe o grupo dos negacionistas da letalidade do coronavirus. Sabemos bem que estes posicionamentos vão …

Angústia e desamparo. Por Abrão Slavutzky.

Angústia é a reação frente ao perigo. A situação de perigo é percebida, recordada, provocada pelo desamparo. Portanto, a angústia é a reação originária frente ao desamparo. O desamparo primordial ocorre no nascimento, devido à dependência absoluta do bebe ao outro, em geral a mãe. Ao longo da vida ocorrem sentimentos de desamparo de caráter …

Como viver e agir num tempo de desfaçatez e mentiras ou lágrimas de crocodilo não salvarão os mortos. Por Paulo César Endo

  Há no Brasil subnotificações grosseiras tanto sobre os infectados quanto sobre os mortos. Muitos estão sendo enterrados sem diagnóstico e aqueles que tentaram fazer o teste, antes de terem problemas respiratórios graves, não têm conseguido. Então, sem eufemismos, vivemos no país uma mentira em relação ao número de mortos e ao número de infectados. …

Irredutibilidade ética na pandemia: a saúde que não se curva ao mercado. Por Rafael Alves Lima.

Irredutibilidade ética na pandemia: a saúde que não se curva ao mercado   Em tempos de pandemia do COVID-19, assistimos estupefatos a uma disputa insólita entre o Governo Federal e o Ministério da Saúde que nos lembra aquele esporte conhecido como “braço de ferro”. Situação inimaginável em outras circunstâncias, uma vez que a presidência da …

Do Retorno à Barbárie à Renovação do Pacto Necessário à Vida Civilizada – Por Michele Kamers e Heloisa Marcon

  A barbárie que vem se produzindo desde o início do governo de Jair Bolsonaro assume, com a chegada da pandemia do coronavírus, proporções inéditas no curso da História em que a dimensão da Necropolítica é escancarada a olhos nus por um Estado que poderíamos hoje nomear como criminoso. A eleição de Jair Bolsonaro tem …

A Tela e a Outra Cena Ou como Piscar nas Sessões Virtuais de Análise -Tania Rivera

  A quarentena devido à pandemia de Coronavírus está obrigando psicanalistas e analisandos à ampla realização de sessões não-presenciais, expandindo a prática que muitos já conheciam, ao menos em situações pontuais de impedimento destes comparecerem ao consultório – como viagens, mudanças bruscas de cidade ou país, urgências subjetivas ou mesmo doenças orgânicas. Em vez de …