Editorial

Um dia ao estilo PSDB/PMDB: Violência, oportunismo e armas letais. Então, imaginem vinte anos disso

“…o Estado proibiu ao indivíduo o uso da injustiça, não porque pretenda abolí-la, mas porque quer monopolizá-la, como o tabaco e o sal. O Estado combatente permite a si toda a injustiça e toda a violência que desonraria o indivíduo.” Sigmund Freud-Considerações atuais sobre a guerra e a morte (1915) Em meio a uma crise …

“Além de pagar a babá do Michelzinho, os vestidos de Marcela e a mesada de Cunha para onde mais irá o dinheiro arrancado com a suspensão dos direitos dos brasileiros durante a gestão TEMER?”

Temer, seu governo e seus aliados chegaram ao fundo do poço. Começa agora o espetáculo dantesco daquele que chegou ao poder sem qualquer legitimidade, apoiado por forças que não desejam o bem do país e nem de seus cidadãos e que fora apoiado e insuflado por grupos neofascistas que, cada vez mais inúteis e perdidos, …

“2017”

Em 2011 foi publicada uma coletânea de poemas traduzidos para o português da lavra de poetas de primeira grandeza de língua alemã, russa, inglesa, francesa. O título da coletânea: Poesia da Recusa; o tradutor: Augusto de Campos. Psicanalistas pela Democracia retoma aqui a tradução desse importantíssimo tradutor, poeta e escritor vanguardista brasileiro e relembra a …

“Coragem e esperança sempre! Adeus, Dom Paulo”

Um dos maiores intérpretes do discurso fascista, do cinismo e da ambivalência de       setores da igreja católica e de outras religiões no Brasil e inspirador extraordinário do homem comum, faleceu no último dia 14/12/2016. Dom Paulo trabalhava no limite, nas bordas, nas margens. Empurrava-as para mais além, questionava os limites herdados de tradições seculares de …

“3 vezes Dostoiévski, 3 vezes Frateschi para um Brasil dos ridículos, dos medíocres e dos imorais”

Mesmo para quem conhece o pequenino teatro Àgora, onde são apresentados os monólogos de Celso Frateschi, sempre pode se surpreender ao ver esse ator extraordinário em cena. Sem patrocínios e sem leis Rouanets, como ele mesmo destacará ao final do espetáculo. Sua maneira peculiar e única de conduzir um monólogo dramático. Conversando, matutando com o …

“As pautas do retrocesso: americanos elegem Trump mas o mundo ainda não acabou”

Editorial Psicanalistas pela Democracia Se as pautas totalitárias, exclusivistas, fóbicas ganham fôlego no mundo inteiro isso se deve, em parte, ao fracasso dos sistemas de representação, da suposta sabedoria do voto, da crença nas eleições livres como ponto de chegada e prova da existência de democracias consolidadas. A democracia representativa, hoje sabemos, jamais poderia ser …